quinta-feira, novembro 5

"O que estava eu fazendo"


foto do meu balão na sacada
"Que estava eu fazendo?" -
Certa vez lendo mais um livro, da Senhora Lispector me entusiasmei com essa frase acima! Isso mesmo, diante de um livro inteirinho, uma única frase foi aprazível, que me fez sentir "vagalhões de mudez"...
Além de tentar parar o tempo e perceber o quê ando fazendo, ou o quê ando "vivendo"(??? ). Marquei a página, grifei com caneta colorida, até buscar sua total compreensão.Me veio um turbilhão de perguntas, questionamentos infindáveis que, mesmo sabendo  que não me valem de nada, são razoáveis pro meu mundo de pequenas causas. Sabe quando vc dá atenção demais pra coisas que são de menos??? É assim!
O que estava eu fazendo?? Dizendo??? Planejando??? Observando??? E, aonde estava "eu"??? Será que me encontrei??
Das coisas que quero, que busco e que sonho, estão devidamente catalogadas no meu caderninho, mas esse é humilde e singelo, dando espaço pra mais e mais coisitas entrarem, pq sonhos são transformados, ampliados, libertados pro mundo de realizações. Quero pouco, mas é tão pouco que me consome muito! Meus dias são, além trabalho, reflexão, demasiadamente de libertação no sentido da fé.
Mas essa pergunta martela: "Que estava eu fazendo?"
Deixei passar coisas, pessoas, sentidos e desejos... deixei para o próximo ano mais uma viagem dos meus sonhos (aguardem), deixei uma pessoa esperando, o telefone tocando, uma mensagem sem resposta.... apenas deixei. Deixei de ser "EU" muitas vezes... mas da vez que me encarei de verdade, foi no escritório, diante de 11 colegas de trabalho, 4 gestores  e 1 diretor... Portanto, que estava eu fazendo naquela sala?? Abusei de mim mesma, apesar da timidez, gosto de integração! E não é que o assunto foi, trabalho mais diversidades, contei sobre viagens, pessoas, culturas, idiomas, sustentabilidade, projetos, sonhos.... ao sair da sala meu telefone toca, já estava feliz, apenas isso, não sabia o que poderia acontecer, mas estava aliviada por eu mostrar meu Eu ahaha. Trrrimm, trimmm, Alô! Olá Tati, sou eu o gestor da sua dinâmica... ungkupt! pois bem, pode falar. Vc nos mostrou um modelo diferente e o mundo é a sua casa! A vaga é sua! Fiquei feliz pq além da conquista pela promoção, eu, Me conquistei, de verdade.
O que estava eu fazendo??!!!
De uns tempos pra cá, minha conectividade com este mundinho virtual está um tanto abalada, mas mesmo nesse corre-corre, tento registrar, com carinho, minhas pequenas e insólitas histórias. Quero ser vovó um dia e contar histórias para crianças, num mundo já diferente do que vivemos hj! Quero ler e reler o que de fato, me construiram: meus sonhos! Portanto, o que estava eu fazendo, quando meu blog foi premiado como um dos melhores do BR??? (vide selo ao lado) Se, de fato é um dos melhores do BR, sinceramente não sei e prefiro continuar não sabendo, pois, o que importa pra mim é a maneira mais simples e romântica que venho  desenhando este bloguinho. Mas quero sim, agradecer ao site pelos elogios e as pessoas que entram e que mandam comentários seja aqui ou via e-mail! Até um cara lá da Indonésia escreveu por aqui! Thank you!!!
Digo que postar está difícil, pois meus dias incrivelmente terminam com 24 horas rodados. Hj mesmo lavei roupa à meia noite (2ª vez, ainda estou no processo de relacionar-me com a máquina), horas atrás chegava de um dia de trabalho, de um dia de inglês (sim, voltei, 2 anos em Barra do Piraí, + uns anos em Volta Redonda, dessa vez eu acabo logo com isso, I hope so much)!, sem contar na academia e na hidroginástica (estou verdadeiramente feliz com esse negócio, a malhação é forte, mas nada se compara estando na água, como um peixe, ahaha)... Não é que conheci uma francesa, a Silvie que mora do outro lado da rua...Oui Madame, ou seja: Je m'apelle Tatiana. Très bien! Estou gostando muito das aulas de frânces! Silvie me faz lembrar da minha querida professora de espanhol, Rossana... uma boliviana que me fez admirar não só sua língua, mas tb a amar seu país e sua família de lá... salar de Uyuni, eu acho que foi tão fantástico que parece até q nao fui... surreal, não?!
O que estava eu fazendo??? Que precisou alguém perceber e não eu, que minha inocência não podia ser mais aquela de 10, 20 anos atrás, que minha risada não podia ser mais aquela de criança feliz que acorda até os vizinhos e que minhas roupas deveriam mudar, mesmo que só fosse ali, na esquina comprar pão, mortadela e guaranita deveria me vestir como se estivesse indo ao trabalho! Precisou alguém ou "alguéns" me avisar(em) de que eu cresci! O que estava eu fazendo? Talvez estava vivendo, estava feliz, sei lá, comer pipoca e escorregar da cadeira do cinema de tanto rir não faz mal nenhum!
E o que ainda faço eu, que não prestei atenção em tudo que me falaram??? O que eu faço? Tenho feito?? Uma coisa eu sei: achei  uma árvore de jabuticabeira e um balão colorido pra colocar no meu jardim! Não é lindo o balão??!

5 comentários:

Marcelo Mayer disse...

vc tava numa viagem psicodélica, a base de mr kite dos beatles

belo!

Marcelo Mayer disse...

eu que agradeço sua visita!

Desmanche de Celebridades disse...

Também sai voando nesse balão.
Abraços.

Tatiana disse...

hummmm good idea!!!

MZ ARIFIN disse...

GOOD.