domingo, março 20

Não querer é poder

Tirei essa foto na Fazenda Taquara - RJ
Foco!
Essa é a bendita palavra que me deixa por vezes, sem ação.
Não consigo aceitar a possiblidade de viver focada e tão somente naquilo que quero. Mas e aquilo que não quero?
Já me basta o dia-a-dia que nem meu é. Que nem sou eu. Que não me é.
Sou carregada pela rotina, como se ela me arrastasse todos os dias, só pra eu não perder o foco.
Foco?
Já decidi que, o que quero é não querer.
E é por isso que viajo, só assim me faço, por alguns instantes, focada nas minhas fotografias.
De volta e com mais expedições - Até a próxima pessoal, com mais Europa e seus encantos escondidos - Paris, Madrid, Itália e Portugal

9 comentários:

Marcelo Mayer disse...

Estudar, amar, se cuidar? Balela. Viajar e beber são os únicos investimentos que nos acrescenta em algo.

Malu disse...

Eu também tenho grande incapacidade de concentração... rs rs rs
Abraços

Forum Celular espiao disse...

Gostei muito deste site e por isso resolvi colocar uma mensagem para conhecimento de todos. Já existe uma maneira de se fazer grampo de celular. Chama-se telefone espião. Você pode encontrar no site www.celularespiao.net

Forum Celular espiao disse...

Gostei muito deste site e por isso resolvi colocar uma mensagem para conhecimento de todos. Já existe uma maneira de se fazer grampo de celular. Chama-se telefone espião. Você pode encontrar no site www.celularespiao.net

ThinkFloyd61 disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
ThinkFloyd61 disse...

Olá do outro lado, inspirado no acaso, e-mail da maré seguinte, fluxo ondas pensamentos que sempre acrescentam algo noutro. "Não querer é poder", fico feliz em estar aqui, Pink Floyd é algo em comum para quem gosta de viajar. http://thinkfloyd61.blogspot.com/
celebra Pink Floyd todos os dias,
o que significa que será sempre bem vinda. Parabéns e obrigado por seu trabalho :)

O Profeta disse...

Sonhei com uma estrela do céu
Sonhei-a vivendo no meio do Mar
Sonhei com a verdade de uma palavra
Soletrei sete vezes a palavra amar

Neste sonho vi uma árvore triste
Pensei em sete coisas impossíveis de fazer
A primeira era voar com as nuvens
A ultima sobre as águas de um Lago correr

E vi pássaros de cores nunca vistas
Refulgentes lírios de ouro de lei
Apenas uma hortênsia me pareceu ali perdida
Vi palpitantes borboletas e o coração calei

Mágico beijo

Lilian disse...

Tatiana, estou esperando os posts sobre a Europa, menina... Em breve, vão sair posts sobre Portugal no meu blog (www.vidaeviagem.com). Se puder, passa lá e deixa dicas.
Bjs

Wagner Passos disse...

"Já me basta o dia-a-dia que nem meu é..."
Posso grafitar num muro essa frase?????